domingo, 13 de fevereiro de 2011

FICÇÃO - “PAREI”


Pois é, pra mim chega! De agora em diante vou parar de pensar nos problemas dos outros e pensar mais em mim, na minha vida. Vou sair dessa antes de ser consumida pela depressão... Pior, depressão dos outros! As pessoas são muito carentes, credo! Não agüento isso mais não, quero realizar minhas fantasias, quero viajar, quero não me preocupar com nada, quero exercitar minha libido sem culpas! Essa situação em que me coloquei me angustia demais, não sei porque me meto nessas roubadas, sinceramente! Só posso estar me sabotando, claro! Mas agora chega dessa fobia que me castra a possibilidade de viver uma simples alegria. Não tenho mais medo... Hora de jogar tudo pro alto, toda esta droga! Que se danem o que vão pensar de mim, se querem achar que é inveja, que pensem, se acham que estou tendo uma crise histérica, não estou nem aí! Vou sair e fazer coisas que nunca fiz, mas sempre tive vontade, sem culpas! Afetos e emoções? Adeus! Chega desse maldito tédio de casamento pra cá, de consultório pra lá... Chega dessa rotina socio-hipócrita... Vou viver loucuras que nunca vivi, experiências sado-masoquistas e outras coisas exóticas!

...Chega dessa coisa de terapia. Não tenho mais saco! ...Olha, não vou mais poder lhe atender, seu tempo acabou... Pode pagar na recepção!


Nenhum comentário: